Divisão de Engenharia Civil Ano: 2006

(Turma 2006, TGs 2006)

Título: Utilização de Análise Envoltória de Dados na Avaliação Operacional de Empresas de Transporte Aéreo (pdf 1,9 MB)

Autor: Leonardo Leite Pereira

Orientador: Prof. Rodrigo Arnaldo Scarpel

Relator: Prof. Visitante Alessandro Vinícius Marques de Oliveira

Ano: 2006

Resumo:

Este trabalho de graduação tem por finalidade avaliar a eficiência operacional das principais empresas de transporte aéreo no Brasil, no período entre 1997 e 2004. Para realizar essa avaliação, será utilizada a Análise Envoltória de Dados, uma ferramenta da matemática não-paramétrica que está sendo amplamente usada em casos de análise de eficiência. DEA, como também é conhecida essa ferramenta, calcula índices de eficiência comparativos entre unidades tomadoras de decisão (DMUís) que realizam tarefas similares, usando recursos (inputs) para gerar produtos (outputs). O cálculo dessa eficiência está relacionado ao quanto melhor as DMUís utilizam seus recursos disponíveis para gerar seus produtos. Cada empresa aérea será considerada uma DMU distinta para cada ano de análise, possibilitando assim a avaliação temporal da eficiência. O modelo escolhido de DEA para a análise leva em consideração que os retornos de escala entre as empresas são diferentes: é possível comparar grandes empresas com pequenas empresas sem prejudicar a análise por conta das diferentes escalas.

Abstract:

The objective of this graduation work is to evaluate the operational efficiency of the major Brazilian air carriers, between 1997 and 2004. To do this evaluation, Data Envelopment Analysis approach is used. DEA, how this analysis is commonly named, is a tool from a nonparametric mathematics that has been heavily used to do efficiency analysis of all kinds. DEA calculates comparative efficiency indexes among all decision Making Units (DMUís) that works in a same way, using resources (inputs) to generate products (outputs). The calculation of this index is related with how well the DMU can generate products with the available resources. Each air carrier will be considerer a distinct DMU in each year of analysis. This will provide a way to evaluate the air carriersí efficiencies over time. The chosen DEA model takes into account that return scales from the air carriers are different: this way it is possible to compare big air carriers with small ones without harming the whole analysis because of different operation scales.